Georges Perec

1

Imagine um livro de quase 250 páginas escrito sem a vogal “e”. Isso acontece no curioso romance “O Sumiço”, do francês Geoges Perec, destaque da coluna “Entre Páginas”. Perec foi membro do Oulipo, movimento literário surgido nos anos 1960 com a proposta de submeter a escrita a jogos formais.

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn